quinta-feira, 30 de julho de 2009

Nanotecnologia: Conheça a tecnologia que traz esperança de cura do câncer

video
Duas pesquisas, publicadas na edição desta semana da revista científica americana "PNAS", mostram formas promissoras de aplicar a nanotecnologia, ciência que permite a manipulação de estruturas incrivelmente pequenas, como forma de atacar o câncer. Um dos trabalhos apresenta uma forma nova e extremamente sensível de diagnóstico de tumores, enquanto o outro revela um tratamento inovador e, aparentemente, com poucos efeitos colaterais -- aplicado por enquanto só em camundongos.

A nova forma de diagnóstico está um pouco mais próxima das aplicações clínicas, a julgar pelo artigo de Ralph Weissleder, do Hospital Geral de Massachusetts, e colegas na "PNAS". A nanotecnologia envolve a manipulação de objetos ou materiais na escala nanométrica (equivalente a um metro dividido por um bilhão). No caso, Weissleder e companhia usaram nanopartículas magnéticas que receberam um aditivo especial: a capacidade de aderir a células cancerosas de uma dada amostra (que poderia ser de sangue ou de um órgão operado, por exemplo).

O próximo passo foi aplicar um aparelho de ressonância magnética portátil à amostra. Com isso, em menos de 15 minutos, foi possível detectar a presença das células tumorais, uma velocidade muito superior à disponível para os atuais testes de diagnóstico. O melhor é que o sistema é bastante sensível: apenas duas células de câncer foram suficientes para a detecção com essa abordagem. Isso facilitaria o tratamento precoce da doença.

Nanotubos
Já a equipe liderada por Suzy V. Torti, da Universidade Wake Forest, também nos Estados Unidos, testou o emprego combinado de nanotubos (tubos de dimensão nanométrica) de carbono e radiação em camundongos com uma forma de câncer de rim.

Esses nanotubos conseguem emitir calor quando recebem uma dose de radiação no infravermelho próximo, que não é cancerígena como a radiação gama, por exemplo. Com apenas 30 segundos de radiação, o calor gerado pela combinação foi capaz de destruir os tumores, o que traz esperanças de se usar a abordagem em humanos no futuro.
Reinaldo J. Lopes/G1.
Não saia sem deixar sua opinião. Clique em comentários.

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Pássaro Livre - Derci Rocha

Ah! Quem me dera eu pudesse voar!
Se eu voasse como um pássaro
Eu iria pra lá, bem pra lá
E no céu eu iria entrar
E veria face a face o meu Deus
Voando...

Voando como um pássaro livre
Para o encontro de Deus
Tirou minhas algemas e me libertou
Voando vou para o meu Senhor


Se sobre o vento Deus tem o poder
Se o próprio mar sabe lhe obedecer
Ele pode fazer-me sonhar
E levar-me a um lindo lugar
E irei muito além do que eu possa imaginar
Voando...


Derci Rocha
Não saia sem deixar sua opinião. Clique em comentários e faça o seu.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Saiba como identificar o A.V.C. (Derrame) preventivamente.

O A.V.C., também conhecido como derrame cerebral, se identificado e socorrido em até 3 horas pode ser revertido.
Saiba como identificar preventivamente.
O frio aumenta a incidência de infartos e A.V.C. (Acidente Vascular Cerebral). Por isso, nestes meses de inverno, cuidado redobrado.
Neurologistas afirmam que se um paciente sofrer um A.V.C., for diagnosticado e socorrido em até 3 horas, tem chance de sobreviver sem sequelas.
Outro grande problema é que a pessoa que sofre um A.V.C. pode cair e bater a cabeça, mesmo estando sentado, somando um traumatismo craniano.
Veja os três testes que você pode fazer em qualquer lugar para identificar um A.V.C.:
1. Debilidade facial Peça para a pessoa sorrir. Se um dos lados dos lábios ficarem torto, não abrindo por igual, é sinal de A.V.C.
2. Debilidade motora. Peça para levantar os dois braços. Se levantar desigualmente é sinal de AVC.
3. Debilidade na fala. Peça para dizer uma frase simples. Se a pessoa não conseguir (falar enrolado) também é um sinal.
Note bem: Não precisa ter duas ou três dificuldades.
Se houver apenas uma, chame o médico urgentemente ou leve a pessoa imediatamente ao hospital e descreva os sintomas.

Atenção: Este teste não deve ser usado unicamente para a identificação de A.V.C. Mesmo que o indivíduo não apresente as dificuldades do teste, mas tiver um dos sintomas abaixo, precisa de cuidados médicos imediatamente.
Segundo o Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual do Estado de São Paulo - IAMSPE os principais sintomas do derrame são:
• Alterações do movimento e/ou da sensibilidade em uma parte do corpo;
• Dificuldade para falar e/ou entender;
• Dor de cabeça intensa e súbita;
• Alteração da visão, como visão dupla e/ou dificuldade para enxergar;
• Tontura ou alteração do equilíbrio (andar como bêbado);
• Náusea, vômito, dificuldade para engolir e/ou perda de consciência (desmaio).
Ainda segundo o IAMSPE, entre os indivíduos com mais chance de ter um AVC estão: idosos, obesos, sedentários, alcoólatras, fumantes, diabéticos, cardíacos, hipertensos e pessoas que já tiveram AVC ou “ameaça de derrame” prévio.

Uma divulgação destas informações pode facilitar o rápido diagnóstico e atendimento, salvando vidas e evitando danos cerebrais. Passe isso para quantas pessoas puder.

Veja mais em:
http://www.tvi.tv.br/jornalismo/vernoticia.php?not=1019

http://www.portaldafisioterapia.com.br/?pg=fisioterapia_neurofuncional&id=1057

http://www.quatrocantos.com/LENDAS/307_derrame_infarto_cerebral_avc.htm

Não saia sem deixar sua opinião. Clique em comentários e faça o seu.

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Os quatro evangelhos – Evangelhos Sinópticos

Por que existem quatro evangelhos ao invés de apenas um? Isso nos responde o estudo chamado “Evangelhos Sinópticos ou (Sinóticos)”.
Os evangelhos são classificados como biografia. Mateus, Marcos, Lucas e João são biografias de Jesus Cristo, o Filho de Deus. Relatam alguns de seus atos, pois todos não poderiam ser incluídos nem em muitos livros. (João 32:25).
A ordem colocada na bíblia é lógica e não cronológica, pois muitas epístolas foram escritas anteriormente aos evangelhos.
O de Marcos foi escrito antes que os demais evangelhos. Lucas foi o único escritor não testemunha ocular; escreveu os dois volumes Lucas-Atos dos Apóstolos com base em informações que ele mesmo investigou de fontes absolutamente seguras.
Mateus apropriadamente vem antes de Marcos devido à sua extensão e ao seu estrito relacionamento com o Antigo Testamento, que o precede imediatamente.
Todo o Novo Testamento foi escrito originalmente em grego entre 45 a 95 d.C.
Dizemos “evangelhos sinópticos”, porque são vistos por ângulos diferentes, de forma diferente um do outro, da forma que os seus escritores, inspirados por Deus, assim o viram.
Vejamos esses prismas:
Mateus escreve aos judeus e revela Jesus como o Filho de Deus*.
Marcos escreve aos Romanos e revela Jesus como o servo de Deus*.
Lucas escreve aos gregos e revela Jesus como o Filho do homem*.
João escreve à Igreja e revela Jesus como o Salvador da humanidade.
(as expressões Filho de Deus, servo de Deus e Filho do homem estão escritos com letras maiúsculas ou minúsculas por razões teológicas, que um dia explicaremos também).
Existe um paralelo em Ezequiel 1:10 – Os quatro rostos nesta visão eram o de leão, o de boi, o de homem e o de águia.
Traçando esse paralelo com os evangelhos, vemos Mateus apresentando simbolicamente Jesus como o Leão (também símbolo da Tribo de Judá), pela sua autoridade e realeza.
Marcos demonstra Jesus como o servo - figura do boi, emblema de trabalho servil e humilde.
Lucas mostra Jesus como homem – com inteligência, razão, emoção, compaixão, ternura e amor.
João vê Jesus como a águia – por sua visão extraordinária e com poder de nos levar às alturas, pela sua divindade eterna.
*Nota: O evangelho de João não é considerado sinóptico por ter uma abordagem diferente dos demais. Foi incluído nesse estudo para comparação com os outros três evangelhos.
Ainda falaremos mais sobre os evangelhos sinópticos. Até mais.

Pr. Altemar Rocha.
Não saia sem deixar sua opinião. Clique em comentários e faça o seu.

Os 13 sintomas físicos da síndrome do Pânico

Como entender?
No Pânico o organismo responde a um aparente "alarme falso", o corpo reage como se estivesse frente a um perigo extremo, porém não há nada visível que possa justificar esta reação.
A pessoa reage com ansiedade frente às sensações de seu próprio corpo, há um estranhamento e um grande susto em relação ao que é sentido dentro da pele. No Pânico o perigo vem de dentro.
É comum a pessoa passar a restringir a sua vida ao mínimo, a limitar toda forma de estimulação para tentar "evitar que aquilo volte". Assim a pessoa passa a evitar lugares e passa a evitar atividades como subir escadas, sair de casa, fazer esforço, privando-se muitas experiências, o que começa a comprometer a sua vida pessoal e profissional.

1.palpitações
2.sudorese
3.tremores ou abalos
4.sensações de falta de ar ou sufocamento
5.sensação de asfixia
6.dor ou desconforto torácico
7.náusea ou desconforto abdominal
8.tontura ou vertigem
9.sensação de não ser você mesmo
10.medo de perder o controle ou de "enlouquecer"
11.medo de morrer
12.formigamentos
13.calafrios ou ondas de calor

A ocorrência simultânea de quatro sintomas é suficiente para demonstrar a existência da doença.
FONTE: Especialistas

O que é Transtorno ou Síndrome do Pânico ?
A Síndrome do Pânico é um transtorno psicológico caracterizada pela ocorrência de inesperados ataques de pânico e por uma expectativa ansiosa sobre a possibilidade de ter novos ataques.
Os ataques de pânico - ou crises de pânico - consistem em períodos de intensa ansiedade, geralmente com início súbito e acompanhados por uma sensação de catástrofe iminente. A freqüência das crises varia de pessoa para pessoa e sua duração é variável, sendo geralmente de alguns minutos.
Há crises de pânico mais completas e outras menores, com poucos sintomas. No geral, as crises de pânico apresentam pelo menos quatro dos sintomas abaixo:
Taquicardia, falta de ar, dor ou desconforto no peito, formigamento, tontura, tremores, náusea ou desconforto abdominal, embaçamento da visão, boca seca, dificuldade de engolir, sudorese, ondas de calor ou frio, sensação de irrealidade, despersonalização, sensação de iminência da morte.
Geralmente as crises de pânico se iniciam a partir de um susto em relação a alguma reação do corpo. A partir desta reação inicial de ansiedade, surge na mente da pessoa uma série de interpretações negativas sobre o que está ocorrendo, sendo muito comuns alguns pensamentos catastróficos como o de que a pessoa está perdendo o controle, vai desmaiar, está enlouquecendo ou que vai morrer .
No intervalo entre as crises a pessoa costuma viver na expectativa constante de ter uma nova crise. Este processo, denominado ansiedade antecipatória, leva muitas pessoas a evitarem certas situações e a restringirem suas vidas a um mínimo de atividades.
Fonte: Artur Scarpato - Psicologia Clínica
Caso julgue necessário, procure um médico e conte sempre com a ajuda de Jesus.
Não saia sem deixar sua opinião. Clique em comentários e faça o seu.

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Devemos um galo a Esculápio.



Está procurando um nome para o seu filho que vai nascer? Que tal um desses?
Sócrates, Platão, Pitágoras... Embora esses nomes sejam meio estranhos, tornaram-se comuns, pois esses filósofos são bastante conhecidos. Veja se você gosta desses outros nomes abaixo.
Nomes de filósofos da antiga Grécia. (alguns são personagens fictícios).
1. Agaton
2. Anaxágoras
3. Antifon
4. Antístenes
5. Apoladoro
6. Arístipo
7. Aristófanes
8. Arquelau
9. Arquitas
10. Caliclés
11. Cebes
12. Céfalo
13. Corax
14. Crátilo
15. Crítias
16. Dédalo
17. Demócrito
18. Díocles
19. Dionisodoro
20. Diotima
21. Eaco
22. Empédocles
23. Epicarmo
24. Equecrates
25. Erixímaco
26. Espeusipo
27. Eudóxio
28. Eutidemo
29. Fedro
30. Fídias
31. Heráclito
32. Hermócrates
33. Hesíodo
34. Marsias
35. Menon
36. Milcíades
37. Minos
38. Parmênides
39. Pausâneas
40. Perdicas
41. Pitocles
42. Pitodoro
43. Policrates
44. Radamanto
45. Simias
46. Sisifo
47. Tântalo
48. Teeteto
49. Temístocles
50. Titios
51. Trasímaco
52. Xenócrates
53. Zenão

Agora me responda:
Sócrates ao tomar cicuta, uma espécie de veneno, disse: Devemos um galo a Euculápio. Por que? Vou dar uma dica: Não foi porque seu pai chamava-se Sofrônico, sua mãe Fenáreta e sua mulher, conhecida como a quérula Xantipa.
Deixe sua resposta (seja qual for) no campo de comentários abaixo.

Altemar Rocha
Não saia sem deixar sua opinião. Clique em comentários e faça o seu.

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Erros podem contribuir para uma virada profissional

Às vezes cometemos um erro e pensamos que é o fim do mundo. Errar é humano, é o que todos dizem. Mas um errinho só pode nos custar caro. Tem coisa que é irremediável, como por exemplo, uma vacilada ao volante e já era. Tem coisa bem séria que pode acontecer por uma pequena falha e se tornar uma catástrofe.
Erros, errinhos e errões (puxa, estas últimas duas palavras não existem, acho que errei) mas a vida é assim mesmo. Devemos evitar os erros a todo custo.
Mas e se já errou? O que fazer? Suicídio fica caro, meu amigo. Pensa na sua família. Não vai cometer um outro erro pior ainda. Não vai dar porrada no seu chefe, aquele mané que falou um monte de besteiras pra você. Aí dana a mandar currículo pra todo lado e talvez um b.o. e um processozinho.
Bom, também dizem: Tem males que vem para bem. Aí você vai ter que trabalhar como autônomo no fundo do quintal, na sua sala-escritório ou na cozinha, fazendo doces e salgados por encomenda.
Um erro pode nos deixar queimado por um bom tempo ou quem sabe, a vida toda. É como aquele cara, que na confraternização da empresa numa churrascaria no final de ano, ultrapassou em muito os 0,2 grama de álcool no sangue e dançou ridiculamente na frente de todo mundo. Até o garçom parou pra ver a bandalheira. Nesse caso, lamento, não tem jeito.
Se você errou, prepare-se para o pior. Opa! Preparar-se para enfrentar as consequencias do erro... Taí a sacada! Talvez haja como tirar proveito dessa situação e mostrar o quanto você é bom no que faz.
Esconder o erro pode culminar numa demissão em massa no seu setor. Jamais faça isso.
O que deve ser feito é resolver o problema, ir atrás, trabalhar em uma solução satisfatória, batalhar. O seu esforço e brilhantismo nessa situação será observado, com certeza.
É uma oportunidade de ser conhecido pela diretoria, de ser elogiado, vão te conhecer naquele lugar.
Quem sabe até uma readmissão. Senão, histórico honroso, pronto pra outra.
O chefe ou cliente que não reconhecer isso, perderá um importante aliado em situações críticas. O mundo é um caos e precisamos de gente capaz de produzir soluções em condições adversas.
Você deve ser conhecido como aquele que é capaz de “fazer virar”. Tem alguém aqui que é capaz.
Cuidado com os “erros arquitetados”, ou seja, vou errar propositadamente, depois vou lá e concerto. Isso é artificial e pode não acabar bem.
Quer um conselho? Peça ajuda a Deus.
Boa sorte, amigo(a). O mundo nem sempre tem lugar para os que erram, mas os bons sempre terão lugar no mundo.
Altemar Rocha.
Não saia sem deixar sua opinião. Clique em comentários e faça o seu.

segunda-feira, 13 de julho de 2009

Tomar Posicionamento

ESBOÇO DO SERMÃO:TOMAR POSICIONAMENTO.
BÍBLIA SAGRADA - LIVRO DE JUÍZES CAP.7, VERSO 21.

Qual o seu posicionamento frente à sua vida, a sua fé, o seu futuro, a sua família, diante dos seus semelhantes?
Como você irá agir?
Quais os seus pensamentos?
O que você está fazendo agora? O que Fará?

O seu posicionamento frente às batalhas e dificuldades da vida resultará em conquistas e vitórias, ou derrotas e perdas.

Pessoas que não pensam no futuro:
Alguns dizem: o futuro pertence a Deus. E realmente é isso mesmo.
No entanto, o nosso futuro é configurado segundo o que plantamos. Deus nos abençoará segundo as nossas atitudes.
A lei da semeadura em Gálatas 6:7, diz:
O que o homem semear, isso também ceifará.
Portanto, nós temos responsabilidade sobre os nossos atos.
Nossa vida, uma grande plantação, regada de cuidados e oração resultará numa colheita abundante.

Tomé tinha um posicionamento de incredulidade. Não se vê mais falar dele.
Jó tinha um posicionamento de fé. Teve sua vida restabelecida.

Alguns tomam posição de desistência, outros não desistem. Persistem!
Qual o seu posicionamento?
Onde você vai se colocar?
O que você vai fazer daqui para frente?

Alguns tomam uma posição de pessimismo, pouca fé, decisões erradas.
Tome o posicionamento correto, segundo a vontade de Deus, com oração, pela Palavra de Deus.
Você verá os resultados positivos de amor, paz, alegria, felicidade.
Semeie o amor na vida conjugal, com os seus filhos, com sua família, com a sua Igreja.
Não saia sem deixar sua opinião. Clique em comentários e faça o seu.