quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Vai comprar impressora? Veja Epson x HP.

Mesmo não sendo técnico nem expert em impressoras, arrisco a comentar a minha experiência sobre esse equipamento.

Comprei uma epson cx 5600 (multifuncional) e deparei com as seguintes situações:
Ela utiliza quatro cartuchos que custam por volta de R$ 25,00 cada um (5 ml) e imprime cerca 80 páginas (preto).

Depois de seis meses, o software dela a faz parar e ir a uma autorizada apenas para zerar o contador interno. Essa revisão é gratuita, pois ainda está na garantia. No entanto, dependendo de onde tiver uma autorizada, será dispendiosa a locomoção, perde-se tempo e você ficará sem a impressora por alguns dias.

Quando chega a 3.000 cópias, novamente ela para. Isso serve apenas para vender um dispenser novo, sendo que o original nem está cheio. Isso você terá que pagar, mesmo estando ainda na garantia. Você pode instalar um externo, o que não é difícil. Tem vídeos no youtube que ensinam como faze-lo. Ainda falta zerar o contador interno. Se não quiser levá-la à autorizada, pode-se baixar um destravador na internet. (veja em um tutorial).

Uma opção para o elevado custo dos cartuchos são os bulk-inks, que tem um chip que “dribla” o software da impressora e são recarregáveis. Encontramos as tintas e os bulk-inks em casas do ramo ou na internet. Os melhores são os de mangueiras, onde as tintas ficam nos tubos e são sugadas para os cartuchos. Os que recarregamos nos próprios cartuchos dá muito trabalho, pois nem sempre a impressora reconhece os cartuchos e aí se precisa passar uma borracha no chip e recoloca-los várias vezes. É uma sujeira tremenda.

Bom... Usando cartuchos originais ou os bulk-ink que vem da China e "enganam" a impressora para usar esses recarregáveis, essa impressora certamente entupirá os bicos de impressão e aí vai pro lixo, pois fica caro para trocá-los. Sim, as Epson tem os bicos de impressão na própria máquina. Se entupir, já era.

Recentemente vi numa grande loja de São Paulo, sendo retirado todos os compatíveis para Epson de modelos anteriores. As mais novas não aceitam cartuchos recarregados, compatíveis ou qualquer tipo de genérico. Só os bulk-inks conseguem substituir os originais, com dificuldade.

Estou usando agora uma HP PSC 1510. Tem uma qualidade de impressão tão boa quanto a Epson, os bicos de impressão são nos cartuchos, o que a dá uma vida útil muito grande. Se entupir, basta trocar o cartucho. Aceita compatíveis e recarregados. Para recarregar um cartucho HP é a coisa mais fácil do mundo.

A HP para mim ainda está em experiência, mas estou gostando muito. Enquanto a Epson faz um barulho horrível, a HP é muito mais silenciosa.

Não sei se os modelos HP posteriores ao que citei podem ter seus cartuchos substituidos da mesma forma.

O meu conselho é o seguinte: Antes de comprar uma impressora, observe o custo dos cartuchos. Os fabricantes querem vender os cartuchos. Na maioria das vezes, de duas a quatro substituições de todos os cartuchos equivalem ao preço da impressora ou multifuncional.

Pr. Altemar Rocha

Não saia sem deixar a sua opinião. Clique em comentários e deixe o seu.

6 comentários:

LISON disse...

SAUDAÇÕES!
Pr. ALTEMAR,
Hoje, comprar uma impressora é o mesmo que comprar um liquidificador para triturar a paciência do ser humano!
Vou recomendar o seu artigo, ao meu querido amigo, João Assis, pois, foi mais uma vítima dentre milhões!
Ao que parece, é muito melhor se fazer um estudo de viabilidade economica sobre a tinta, para depois eleger a impressora.
Obrigado pelo esclarecimento e recomendações!
Parabéns pelo Post!
Abraços!LISON.

Rê(bonellinha) disse...

A dica é otima, mas fala sério é muita sacanagem desses caras e não é só no caso das impressoras, quantos em outros segmantos não fazem a mesma coisa, é o cúmulo!!!!

abs Pastor

Bom fim de semana!!!

Regina

edilene - amor disse...

olaa
por causa disto
e outras que nem
uso maia.

Altemar Rocha disse...

Amigo Lison,
Quando estou numa loja e vejo alguém escolhendo uma impressora, fico tentado a falar sobre o que sei.
O mais importante é quanto se gasta com os cartuchos.
Quando se usa pouco, não há problemas. Mas quando se usa bastante, o preço da tinta é o maior referencial para a compra.
Obrigado pelo comentário.
Paz.

Altemar Rocha disse...

Bonellinha,
Você já reparou que eles não divulgam quantos mls vem no cartucho? É a coisa mais difícil saber. Antes eram de 40 ml. Hoje 5, 7 ml. Se um cartucho com 5 ml custa R$ 25,00, isso dá R$ 5,00 o ml. 1 litro então custaria R$ 5.000,00. A gente compra 1 litro de tinta formulabs por uns R$ 30,00 a R$ 40,00. É um rio de lucros para os fabricantes.
Hoje todas as marcas colocam softwares que rejeitam cartuchos não originais. Algumas marcas dá pra usar recarregados ou os bulk-inks. Precisa-se analizar qual a melhor no quasito economia.
Obrigado pelo comentário.
Um forte abraço.

Altemar Rocha disse...

Amor-Edilene,
Teve um tempo que eu usava uma matricial. Muito econômica, pois era de fita. Porque demorava muito, eu ia dormir e deixava a noite imprimindo meus estudos bíblicos para a manhã de domingo.
Que barulheira! Parecia uma matraca.
Obrigado pela visita e participação.